Um espelho que reflecte a vida, que passa por nós num segundo (espelho)

29
Set 19

“Disputadas 3 provas de RM com o inglês Shaun Murphy (8ºRM) a assumir − sendo inicialmente o melhor a liderança do Ranking Mundial da Época 2019/20.”

 

Final

2019 Evergrande China Championship

 

shaun_murphy_snooker-376648.jpg

SHAUN MURPHY

 

Shaun Murphy (ING/8ºRM) – 10 Mark Williams (GAL/3ºRM) – 9

 

E à 3ª foi mesmo de vez: depois de duas finais perdidas (já nesta época de 2019/20) − uma frente a Judd Trump (International Championship perdendo por 10-3) e outra frente a Ronnie O’Sullivan (Shangai Masters perdendo por 11-9) – finalmente a vitória tão perseguida por Shaun Murphy (última vitória em 12 de Novembro de 2017 vencendo a extinta Champion of Champions, batendo na final Ronnie O’Sullivan por 10-8), na negra e frente a Mark Williams (por 10-9): e com esta vitória subindo a 8º do Ranking Mundial (RM) e dada a sua boa prestação esta época (em 3 provas de RM realizadas, estando na Final numa e Vencendo outra) assumindo a liderança do RM desta época.

 

Final

J1

J2

2 Sessões

(melhor de 19 frames)

Shaun Murphy

(ING)

Mark Williams

(GAL)

Frames

1-0; 2-0; 2-1; 2-2; 2-3; 3-3;

3-4; 4-4; 5-4; 5-5; 6-5;7-5;

8-5; 9-5; 9-6; 9-7; 9-8; 9-9;

10-9

(J: Jogador)

 

Tendo-se disputado desde o início da época 2019/20 6 provas integrando o Circuito Mundial (3 contando p/RM e 3 não contando p/RM) com 6 vencedores diferentes – YAN BINGTAO (Riga Masters, prova de RM), JUDD TRUMP (International Championship, prova de RM), BARRY HAWKINS (Paul Hunter Classic), STEPHEN MAGUIRE (SangSom 6 Red World Championship), RONNIE O’SULLIVAN (Shangai Masters) e SHAUN MURPHY (Evergrande China Championship, prova de RM); e seguindo-se durante o próximo mês de Outubro as Qualificações para o WORLD OPEN, o início (com a fase de grupos) da CHAMPIONSHIP LEAGUE, o ENGLISH OPEN (prova de RM) e para finalizar (arrastando-se pelo início de Novembro) o WORLD OPEN (depois das qualificações, a sua fase final e sendo prova de RM).

 

[Quanto às transmissões televisivas (no canal Eurosport) em princípio (não existindo alterações) retomando-se as mesmas a 14 de outubro com o OPEN de INGLATERRA (14/20 outubro, prova de RM e com o detentor do troféu a ser Stuart Bingham) seguindo-se a 28 de outubro o OPEN MUNDIAL (28 outubro/3 novembro, prova de RM e com o detentor do troféu a ser Mark Williams).]

 

(imagem: GETTY)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 21:58

28
Set 19

Desde logo com a grande surpresa a ser a eliminação (nos QF) do inglês Joe Perry − o grande favorito depois de ter eliminado na 3ª Ronda o seu compatriota Judd Trump, apenas o atual Campeão do Mundo e Líder do RM − às mãos do iraniano Hossein Vafaei.

 

sddefault.jpg

Agora na Final

Mark Williams Vs. Shaun Murphy

Finalistas do 2019 Evergrande China Championship

(ambos podendo ganhar a sua 1ª prova de RM da época 2019/20)

E com Shaun Murphy vencendo assumindo a liderança do RM da época

 

À entrada das Meias-Finais do “Campeonato da China” e dos 4 jogadores apurados contando-se com a presença de 3 britânicos – o galês MARK WILLIAMS e os ingleses MARK SELBY e SHAUN MURPHY − e ainda de 1 “infiltrado– o iraniano HOSSEIN VAFAEI – tendo-se tornado bastante interessante o espetáculo proporcionado pelas duas meias-finais realizadas:

 

China Championship

Meias-Finais

 

MF

J

N

RM

F

J

N

RM

1

Mark

Williams

GAL

6-5

Hossein

Vafaei

IRA

31º

2

Shaun

Murphy

ING

6-3

Mark

Selby

ING

(MF: Meia-Final J: Jogador N: Nacionalidade RM: Ranking Mundial provisório F: Frames)

 

E se na 2ª MF Shaun Murphy demonstrou sempre uma ligeira superioridade sobre Mark Selby (chegando a estar a ganhar por 3-0) com maior ou menor dificuldade acabando no final por vencer naturalmente por 6-3, já na 1ª MF com o iraniano a estar por duas vezes a perder por uma diferença de três frames (0-3 e 2-5), recuperando em ambas (até 5-5) e obrigando à disputa da “negra– perdendo aí (como poderia ter ganho) para o galês Mark Williams (por 6-5).

 

d773983b27fe8f57cbc07887b99d6289.jpg

Lutando “contra os vistos” (de autorização de permanência) com o Pequeno-Herói da prova a ser o iraniano Hossein Vafaei (deixando pelo caminho os britânicos Jimmy White, Tom Ford, Kyren Wilson, Anthony McGill e Joe Perry), apenas sendo afastado nas MF depois de grande recuperação (de 2-5 para 5-5) e na negra

 

China Championship

Final

 

J

Currículo

Dados

Mark Williams

GAL

(44 anos)

Welsh Potting Machine

Profissional desde

1992

Melhor RM

RM atual

Breaks Centenários

472

Vitórias provas RM

22

Vitórias noutras provas

8

Campeão do Mundo

3x (2000-2003-2018)

Shaun Murphy

ING

(37 anos)

The Magician

Profissional desde

1998

Melhor RM

RM atual

Breaks Centenários

497

Vitórias provas RM

7

Vitórias noutras provas

15

Campeão do Mundo

1X (2005)

 

Para esta domingo (29 setembro) estando marcada a disputa da Final (transmitida no canal Eurosport) a realizar em duas sessões (07:30 e 12:30 horas de Portugal), à melhor de 19 frames (ganhando o primeiro a alcançar 10) e atribuindo ao vencedor um prémio (convertido em pontos para o RM) de quase 170.000 (e para o vencido metade). Tendo sido já eliminado não indo ser o detentor do troféu (Mark Selby), podendo ser um Galês (Mark Williams) ou então um Inglês (Shaun Murphy) − e como curiosidade da 6º prova desta época (a de 2019/20) – com 3 contando p/RM e com 3 não contando − saindo um 6º vencedor diferente.

 

(imagens: Players Championship 2018/Snooker Fan/youtube.com – Getty/yahoo.com)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 20:55

17
Set 19

Ronnie O’Sullivan 11

Shaun Murphy − 9

 

Três meses após o início da época, à quinta prova do calendário e na sua 1ª participação, eis que na presença do Top 16 do RM e do Líder do RM e atual Campeão do Mundo, o inglês RONNIE O’SULLIVAN Pentacampeão do Mundo e atual Vice-Líder do RM, vence pela 3ª vez consecutiva (2017/18/19)  o SHANGAI MASTERS (num total de 13 edições, sendo finalista em 5 e perdendo apenas uma).

 

AS6U0330-1325x885.jpg

Em 13 edições do Shangai Masters com Ronnie O’Sullivan

Sendo finalista em 5 e triunfando em 4

 

No seu currículo pessoal (profissionalmente ativo desde 1992, aos 17 anos, hoje com 43) passando a deter para além de 5 títulos do Campeão do Mundo (2001/04/08/12/13), 36 provas de RM ganhas, outras 3 de ranking menor e 33 não contando para o RM (tal como o Shangai Masters) num total de 72. Para além das suas 1017 tacadas centenárias (um recorde). Fazendo dele uma Lenda ainda bem viva e ativa.

 

Z7R8032.jpg

2017 Shangai Masters

Na 1ª de 4 das 3 vitórias consecutivas de Ronnie O’Sullivan

 

Depois de 5 provas disputadas nesta época de 2019/20 (2 contando p/RM + 3 por convite n/ contando) tendo todas elas sido ganhas por um jogador diferente − Riga Masters (YAN BINGTAO), International Championship (JUDD TRUMP), Paul Hunter Classic (BARRY HAWKINS), 6 Red World Championship (STEPHEN MAGUIRE) e Shangai Masters (RONNIE O’SULLIVAN) – sucedendo-se o CHINA CHAMPIONSHIP 3ª prova de RM.

 

Trophy-pic-1325x994.jpg

Ronnie O’Sullivan e Shaun Murphy

Antes do início da final

 

China Championship (3ª prova RM) que decorrerá de 23/29 deste mês (detentor do troféu a ser o inglês Mark Selby) contando com a presença (após a realização da RQ) de 64 jogadores: nele não estando incluído (de novo) Ronnie O’Sullivan regressando apenas para o WORLD OPEN (4ª prova de RM, a 28 de Setembro). Nele podendo defrontar de novo o seu compatriota Shaun Murphy, um grande adversário na final (do Shangai Masters) perdendo apenas (para THE ROCKET) por 9-11.

 

AS6U0310.jpg

The Rocket e The Magician

Concluída a final

 

E com 6 provas disputadas desde o início da época (1 coletiva) no que diz respeito ao campeonato individual e profissional nem com uma dezena de jogadores tendo atingido no mínimo 2 Quartos-Final (ou superior): destacando-se entre eles Judd Trump (V prova RM + PQF prova n/RM), Shaun Murphy (PF prova RM + PF prova n/RM) e Mark Allen (PMF prova RM + PM prova n/RMF). Para já s/ nenhum jogador a destacar-se, mas ficando ainda no ar, mais uma a boa época de TRUMP (apesar do percalço) assim como de RONNIE (pelo regresso).

 

(imagens: worldsnooker.com)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 15:00

24
Mar 18

Final

Ronnie O’Sullivan (ING/2ºRM) ‒ Shaun Murphy (ING/7ºRM)

(Domingo/25 à melhor de 19 Frames ‒ 1ª Sessão: 14:00 2ª Sessão: 20:00)

Transmissão Eurosport

 

2017Apr20012055_487307543.jpg

Ronnie O’Sullivan e Shaun Murphy

(durante o Campeonato do Mundo de 2017)

 

Disputada no País de Gales de 19/25 de Março, realiza-se este domingo a final da penúltima prova do Circuito (contando para o Ranking Mundial), antes da realização do Campeonato do Mundo de 2018 (21 Abril/7 Maio). Prova reservada ao Top 16 do Ranking Mundial desta época (2017/18) e tendo como detentor do troféu (conquistado em 2017) o inglês JUDD TRUMP.

 

Concluídas as 3 eliminatórias (até se atingir a Final) do Campeonato Ladbrokes (oitavas-de-final/quartos-de-final/meias-finais), sendo estes os resultados até agora alcançados pelos 16 jogadores presentes (em Venue Cymru/Llanducho):

 

Oitavas-de-Final

 

OF

J

N

F

J

N

1

Ronnie

O’Sullivan

ING

6-1

Graeme

Dott

ESC

2

Ding

Junhui

CHI

6-2

Mark

Allen

IRLN

3

Neil

Robertson

AUS

6-2

Luca

Brecel

BEL

4

Judd

Trump

ING

6-4

Stephen

Maguire

ESC

5

Anthohy

McGill

ESC

6-0

John

Higgins

ESC

6

Shaun

Murphy

ING

6-3

Kyren

Wilson

ING

7

Ryan

Day

GAL

6-3

Mark

Selby

ING

8

Mark

Williams

GAL

6-2

Yan

Bingtao

CHI

(OF: Oitavas-de-Final J: Jogador N: Nacionalidade F: Frames)

 

Quartos-de-Final

 

QF

J

N

F

J

N

1

Ronnie

O’Sullivan

ING

6-3

Ding

Junhui

CHI

2

Judd

Trump

ING

6-1

Neil

Robertson

AUS

3

Shaun

Murphy

ING

6-5

Anthony

McGill

ESC

4

Mark

Williams

GAL

6-3

Ryan

Day

GAL

(QF: Quartos-Final)

 

Meias-Finais

 

MF

J

N

F

J

N

1

Ronnie

O’Sullivan

ING

6-5

Judd

Trump

ING

2

Shaun

Murphy

ING

6-3

Mark

Williams

GAL

(MF: Meias-Finais)

 

E definidos os 2 Finalistas da prova ‒ RONNIE O’SULLIVAN (5X Campeão do Mundo) e SHAUN MURPHY (1x Campeão do Mundo) ‒ com o primeiro seja qual for o resultado a manter-se como 2ªRM e o segundo em caso de vitória subindo ao 6ºRM (trocando de lugar com Mark Williams). Ronnie O’Sullivan podendo ganhar a sua 5ª prova esta época (contando para o RM) e Shaun Murphy a sua 1ª (apesar de já ter ganho 1 mas não contando para o RM).

 

(imagem: livesnooker.com/Getty Images/Michael Regan)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 22:36

07
Mar 18

Final

Open do País de Gales

 

John Higgins ‒ 9

Barry Hawkins ‒ 7

 

Concluída a 4 de Março a 16ª prova do Circuito de Snooker (época 2017/18) contando para o Ranking Mundial, apenas 15 jogadores (dos mais de 130 inscritos) conseguiram vencer 1 ou mais provas: destacando-se nesta lista restrita o inglês Ronnie O’Sullivan (com 4 vitórias), o escocês John Higgins (com 2 vitórias) e o galês Mark Williams (também com 2 vitórias) responsáveis por 50% das vitórias (8 em 16). Podendo-se ainda salientar uma 3ª vitória do galês Mark Williams (já referido anteriormente) mas numa prova não contando para o RM e as 2 vitórias do australiano Neil Robertson mas só com uma delas contando para o RM. E com a melhor notícia destes últimos dias (bem justificada nesta 16ª prova) a ser o regresso do inglês Barry Hawkins (finalmente e após o último Campeonato do Mundo onde foi semifinalista) às suas boas exibições ‒ pondo à prova o Tetracampeão do Mundo o escocês John Higgins e em diversas fases das duas sessões da final podendo muito bem ter arrancado para uma vitória (a sua). Mantendo-se o inglês Mark Selby (2X CM) como Líder do RM e o seu compatriota Ronnie O’Sullivan (5X CM) como Líder do RM da Época (2017/18).

 

sm5.jpg

Shaun Murphy

Vencedor do Open de Gibraltar de 2017

(4-2 na Final contra Judd Trump)

 

A 3 provas (contando para o RM) do fim desta época (disputando-se ainda 2 provas e faltando concluir 1 outra, mas com as mesmas não contando para o RM) ‒ Open de Gibraltar (25.000£ p/vencedor), Campeonato Ladbrokes (125.000£ p/vencedor) e Open da China (225.000£ p/vencedor) e antes da disputa (final) do Campeonato do Mundo de Snooker de 2018 (a disputar-se entre 21 de Abril e 7 de Maio e com o vencedor a receber 425.000£), com os jogadores (objetivamente os melhores) a terem como único objetivo integrar a lista do Top 16 do Ranking Mundial, de modo a evitarem as Rondas de Qualificação e a integrarem desde logo (final do Open da China) o Quadro Principal do Mundial. Antes do início da próxima prova contando para o RM (o Open de Gibraltar) com a lista dos Top 24 do Ranking Mundial (certamente de onde sairá diretamente o Top 16 para a Fase Final do Mundial) a estar disposta pela seguinte ordem:

 

RM

J

N

£ (x1000)

RM

J

N

£ (x1000)

1

M

Selby

ING

1410

13

L

Brecel

BEL

309

2

R O’Sullivan

ING

770

14

S

Bingham

ING

306

3

J

Trump

ING

701

15

N

Robertson

AUS

300

4

D

Junhui

CHI

665

16

A

McGill

ESC

295

5

J

Higgins

ESC

604

17

S

Maguire

ESC

279

6

M

Williams

GAL

433

18

R

Day

GAL

272

7

S

Murphy

ING

425

19

L

Wenbo

CHI

255

8

B

Hawkins

ING

424

20

M

King

ING

238

9

M

Allen

NIRL

383

21

R

Walden

ING

234

10

M

Fu

HK

363

22

J

Perry

ING

199

11

A

Carter

ING

324

23

G

Dott

ESC

198

12

K

Wilson

ING

315

24

M

Gould

ING

188

(RM: Ranking Mundial J: Jogador N: Nacionalidade £: Libras)

 

Iniciando-se esta quarta-feira o Open de Gibraltar (com detentor do troféu a ser o inglês Shaun Murphy) decorrendo o mesmo até domingo (11 de Março) com a disputa de 3 Rondas de Qualificação e mais 5 Rondas Eliminatórias até se atingir a Final: num total de mais de 200 jogadores participando na prova (203) mas registando a ausência de alguns jogadores do Top Mundial (neste caso Top 16) como Mark Selby (nº1), Ronnie O’Sullivan (nº2), Judd Trump (nº4), John Higgins (nº5), Mark Williams (nº6), Marco Fu (nº9), Neil Robertson (nº13) e Mark Allen (nº16) ‒ e com o Sexteto Stephen Maguire/Ryan Day/Liang Wenbo/Mark king/Joe Perry/Yan Bingtao a tentar aproveitar mais esta oportunidade para se aproximarem desse objetivo (o Top 16). Até quinta-feira decorrendo as Qualificações iniciando-se no dia seguinte (9 Março) a 1ª Ronda do Quadro Final.

 

(imagem: worldsnooker.com)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 12:03

06
Mar 17

E no intervalo de tempo até ao Open da China disputando-se em Singapura o Campeonato do Mundo de Snooker Feminino (13 a 19 de Março), contando com a participação de 32 jogadores entre eles duas Campeãs do Mundo – a inglesa Reanne Evans (11X) e chinesa de Hong Kong Ng On Yee (1X) – e uma Vice-Campeã – a também inglesa Maria Catalano (4X).

 

Open de Gibraltar

 

Shaun Murphy (ING) 4-2 Judd Trump (ING)

(0-1/1-1/1-2/2-2/3-2/4-2)

 

1962733-41250145-2560-1440.jpg

Shaun Murphy

Vencedor do Open de Gibraltar 2017

 

Terminou hoje o Open de Gibraltar com a vitória na final do inglês Shaun Mrurhy sobre o seu compatriota Judd Trump por 4-2. Com o ex-Campeão do Mundo (2005) e duas vezes Vice-Campeão (2009 e 2015) Shaun Murphy (4ºRM) a estrear-se pela 1ªvez este ano numa final e a vencê-la, enquanto o ex-Vice-Campeão (2011) Judd Trump (3ºRM) participava na sua 4ªfinal e perdia pela 3ªvez.

 

Posição

Jogador

Nacionalidade

Posição

Jogador

Nacionalidade

1

Mark Selby

ING

9

Marco

Fu

HK

2

Stuart Bingham

ING

10

Mark

Allen

NIRL

3

Judd Trump

ING

11

Allister Carter

ING

4

Shaun Murphy

ING

12

Liang Wenbo

CHI

5

Ding Junhui

CHI

13

Ronnie O’Sullivan

ING

6

John Higgins

ESC

14

Kyren Wilson

ING

7

Barry Hawkinds

ING

15

Anthony McGill

ESC

8

Neil Robertson

AUS

16

Ryan

Day

GAL

Ranking Mundial

(provisório)

 

Para a época de 2016/17 ficar concluída faltando apenas realizar-se o Campeonato Ladbrokes (contando apenas com 16 jogadores), o Open da China (com a participação de 132 jogadores) e finalmente o Campeonato do Mundo (todos contando para o RM) – que nos indicará quem sucederá ao também inglês Mark Selby como Campeão do Mundo de Snooker de 2017 (marcado para o dia 1º de Maio).

 

P

J

N

V

PF

PMF

V

PF

PMF

1

Mark

Selby

ING

3

4

5

-

-

-

2

Anthony McGill

ESC

2

2

2

-

-

-

3

Judd

Trump

ING

1

4

6

-

-

1

4

Bary Hawkinds

ING

1

2

3

-

-

2

5

Ding

Junhui

CHI

1

2

2

1

1

2

6

Allister Carter

ING

1

2

2

-

-

-

7

Stuart Bingham

ING

1

1

5

-

2

2

8

Shaun Murphy

ING

1

1

4

-

-

1

Provas a contar/a não contar para o RM

(V/vitória – PF/presença final – PMF/presença meia-final)

 

Finalizando com uma descrição muito simples e clarificadora do que aconteceu na final do Open de Gibraltar, entre Shaun Murphy e Judd Trump (por Peter Sharland/Eurosport):

 

Trump took the first frame with a 117 that included a break of 59.

Murphy responded to make it 1-1.

But Trump fired in an 84 to take a 2-1 lead.

However three successive half-centuries from Murphy, including 96 in the sixth, saw 'The Magician' take the crucial fourth frame he needed for victory.

 

(imagem: eurosport.co.uk)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 08:22

Novembro 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO