Um espelho que reflecte a vida, que passa por nós num segundo (espelho)

19
Dez 19

[No Hemisfério Norte]

 

A 22 de Dezembro o Solstício de Verão

 

Winter-Solstice-At-Stonehenge-sunrise.jpg

Monumento de Stonehenge em Inglaterra

Solstício de Dezembro de 2015

 

The earliest people on Earth knew that the sun’s path across the sky, the length of daylight, and the location of the sunrise and sunset all shifted in a regular way throughout the year. They built monuments such as Stonehenge in England – or, for example, at Machu Picchu in Peru – to follow the sun’s yearly progress.” (Deborah Byrd/earthsky.org)

 

No próximo dia 22 (de dezembro) pelas 04.19 (UTC) chegando ao Hemisfério Norte o SOLSTÍCIO de DEZEMBRO (ou Solstício de Inverno): com o Sol a nascer mais tarde e a pôr-se mais cedo “curto dia, longa noite” – passando-se o menor dia (de claridade) do ano. No caso do Polo Norte (latitude 0°) com 24 horas de escuridão − e em todo o Hemisfério Sul sendo o contrário do (sucedido no) norte (início do Inverno), com o maior dia do ano a ser no início do Verão.

 

If you live in the Northern Hemisphere, you can notice the late dawns and early sunsets, and the low arc of the sun across the sky each day. You might notice how low the sun appears in the sky at local noon. And be sure to look at your noontime shadow. Around the time of the December solstice, it’s your longest noontime shadow of the year.” (Deborah Byrd/earthsky.org)

 

E em Portugal como em todo o Hemisfério Norte (e assinalado este Solstício) entrando-se (até 20 de março de 2020) na estação do Inverno (no Brasil, no Verão).

 

(imagem: trucknetuk.com/earthsky.org)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 23:20

23
Dez 14

Começou no passado domingo (dia 21 de Dezembro) em Portugal (país situado no Hemisfério Norte) a estação do Inverno. Esta data coincide no Hemisfério Norte com o Solstício de Inverno.

 

1280px-Earth-lighting-winter-solstice_EN.jpg

O Solstício de Inverno também significa que atingimos no nosso calendário a data em que a noite é a mais longa do ano e que a partir daí dar-se-á um crescimento contínuo do dia em relação à noite (até Março).

 

sunrise_pho_2008265.jpg

 

E com a estação de Inverno a espalhar-se por todo o Hemisfério Norte, acentuam-se as descidas de temperaturas e o acentuado arrefecimento nocturno. Pelo menos sem chuva (a Sul) e com o IPMA (Instituto Português do Mar e da Atmosfera) a prever para a cidade (de Albufeira) dia meio encoberto com possibilidade de aguaceiros e com subida ligeira nas temperaturas mínimas.

 

(imagens – Wikipedia e NASA)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 00:22

21
Jun 14

Hoje é o dia do solstício de Verão no hemisfério norte (em que a duração do dia é a maior do ano), ou seja, o dia em que se inicia a estação de Verão e as férias grandes de muita gente como nós.

 

Praia de Albufeira

(há muitos anos atrás)

 

Momento para se recordar a vida das populações locais – neste caso de Albufeira – num ainda não muito distante passado: quando as casas dos seus antepassados ainda estavam de pé e os albufeirenses ainda não estavam extintos.

 

(imagem – edamalta.superforum.fr)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 15:58

21
Dez 13

21.12.2013

 

O Solstício de Inverno antecede o dia escolhido pelo cristianismo para a comemoração do nascimento de Jesus – 25 de Dezembro o Dia de Natal – apesar de muitas interpretações de textos antigos apontarem o nascimento do filho de José e de Maria para os finais do mês de Agosto.

 

E a partir de hoje os dias vão aumentar

 

Começou hoje pelas 17h 11mn o Solstício de Inverno do ano de 2013. O Sol nasceu neste dia pelas 08h 00mn e pôs-se às 17h 19mn: sendo o dia mais curto do ano esta data marca oficialmente o início da estação do Inverno, a qual se prolongará durante três meses até Março de 2014. A partir deste momento a duração do dia relativamente à noite irá aumentando progressivamente durante aproximadamente seis meses até ao Solstício de Verão, a registar-se no mês de Junho como indicativo do início da respectiva estação. Começa assim nesta data de 21 de Dezembro de 2013 a Festa do Sol, momento sagrado em que a Luz reinicia em crescente a sua luta contra a Escuridão e em que simultaneamente se comemora o nascimento para os cristãos do menino Jesus.

 

(dados: IPMA – imagem: Web)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 18:45

23
Jun 11

 

A próxima grande tempestade solar

 

2011 – Um ano de forte actividade solar

 

Qual será a vulnerabilidade das redes eléctricas actuais, face a uma tempestade solar de grandes dimensões?

A nível dos sistemas de alta tecnologia utilizada actualmente, como por exemplo os satélites de comunicação, as consequências seriam provavelmente, um KO técnico.

 

 

O futuro do mundo depende de nós

 

2011 – Estação Espacial Internacional e Vaivém Endeavour

 

Esta foto tirada a partir da nave Soyuz TMA-20 a cerca de 220 milhas de altitude, mostra um presente que poderia estar ainda mais avançado no futuro, fosse esse o interesse primeiro, de toda a comunidade mundial: toda a vida é dinâmica, sendo o espaço e o movimento, a base de toda a sua evolução e expansão. Ora o nosso planeta, a Terra, é apenas um dos passos dessa evolução, o que nos leva à necessidade premente do estudo profundo da evolução da nossa galáxia e de todo o Universo. Diante dos nossos olhos, a Via Láctea proporciona-nos imagens da sua vida e da sua presença, mesmo na sequência espacial, da simples e compreensível disposição planetária: de Mercúrio a Neptuno, pode estar o primeiro passo do Homem para a compreensão total da vida e do futuro da nossa expansão para além dos limites do nosso espaço inicial; e até da compreensão da razão da nossa presença.

 

 

O Solstício de Verão

 

2011 – Saudações ao nascimento do Sol

 

Os Incas celebravam o Solstício de Verão, numa celebração que incluiria ofertas de alimentos, sacrifício de animais e mesmo sacrifício de pessoas. Rituais que ainda hoje são comuns, a toda a espécie humana.

 

 

Estrelas, Buracos Negros e ocupação do espaço

 

2011 – Buraco Negro “comendo” Estrela (ilustração)

 

No início deste ano os astrónomos detectaram uma emissão de raios gama de elevada energia, emanando do centro de uma galáxia situada a 3,8 biliões de anos-luz de distância da Terra. Esta emissão pode ser comparada à energia emitida por cem biliões de estrelas como o Sol!

Provavelmente este acontecimento explosivo foi provocado pela acção de um enorme buraco negro, com uma massa dez milhões de vezes superior à massa do Sol, sobre uma estrela muito próxima do seu campo gravitacional.

A estrela ao cair sob a acção deste buraco negro provocou então a emissão de raios com elevada energia.

 

(a partir de: NASA e NG)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 18:38

Junho 2020
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO