Um espelho que reflecte a vida, que passa por nós num segundo (espelho)

01
Out 19

E depois de utilizado (o canudo) ficando para nós

o que estava enrolado à volta dele (o papel, antes branco agora colorido).

 

c457766fd49ded9d5d867741a43127b4.jpg

 

[Para se compreender a mentalidade de quem “Controla o Mundo (e fazendo parte do rebanho, queiramos ou não, a nossa) estejam atentos à, parecendo um título de um filme não o sendo, “Evolução de Greta (no diagnóstico oficial/inicial antes apenas jovem, agora também doente) − do Passado (desde que se tornou figura pública, introduzindo-se no “Espetáculo”) até ao Futuro, esperando não ser num relance esquecida (Já Tá Indo? Não Sabia!): utilizando todos os órgãos dos sentidos e esperando que por experiência (e sem filtros) aprendam.]

 

Nos seus ataques vergonhosos e impiedosos (de grupos de acesso restrito, detendo a esmagadora maioria do dinheiro, das armas e dos média) retratando imediata e descaradamente na sua presa (aqui o coletivo/o rebanho, esperando que apesar de percecionar/tal como o pastor, por educação e formação/do cão-fiel, acabando por não sentir/a presença do lobo) a imagem fidedigna do seu predador (na generalidade e traduzindo, do nosso representante político, tenha optado pelo público, pelo privado ou pela opção mista e ao qual demos carta-branca),

 

Vendo-se claramente (e já aí)

como o Rei vai nu

 

Tudo serve no presente − neste período de desprezo pelo diálogo (onde proliferam, vindo de todos os lados, os “Opinion Makers” e as “Fake News”)  dando (para já e numa 1º fase) a primazia ao conflito − para abater o nosso adversário (tal como na passado, mas agora de uma forma muito mais exacerbada) mesmo que utilizando contra o que seria moralmente  expetável as reprováveis (degradantes, execráveis, criminosas) armas e estratégias deste: sendo ainda mais preocupante que declarado esse conflito já lá vai mais de dois anos e  meio (tomada de posse do 45º Presidente dos EUA) e sabendo-se estar o centro do mesmo a desenvolver-se (e a Evoluir) atualmente no interior do território da Maior Potencia Global os Estados unidos da América  (com sede no “pântano” de Washington DC) − envergonhando os EUA (externamente) e afetando a sua credibilidade no Mundo (e acelerando a sus decadência como Império) – a caótica (disparando em todas as direções e atingindo sobretudo, estando no meio de DEM’s e de REP’s, os cidadãos inocentes) saga DEMOCRATAS Vs. TRUMP se reabilite substituindo “A Colisão com a Rússia” pela sua sequela “A Colisão com a Ucrânia”.

 

NEASE_(Fake_News)[2]___Super_Portrait.jpg

 

“Retomando-se assim a História Russa (1ª temporada) mas agora com ramificações com a Ucrânia (2ª temporada) − em estilo de sequela e mantendo-se (para além da base de toda a equipa técnica, sem dúvida Democrata e pelo menos por mais um ano e meio) a dupla de Protagonistas (Trump e Putin).”

 

Não aceitando a derrota sofrida em finais de 2016 nas Presidenciais Norte-Americanas − levando à derrota estrondosa (depois de arrumado SANDERS, pela queda) de HILLARY e à vitória surpreendente (nem o próprio acreditando, no momento) de TRUMP − desrespeitando o Presidente dos EUA, todos os cidadãos norte-americanos que legalmente o elegeram (os tais “deploráveis” segundo Hillary) e como tal e no final, a própria “Constituição Norte-Americana” e as “Razões da Fundação do seu país” (que disseram defender, não o fazendo, que “Maior Traição” haverá) – “como diria qualquer norte-americano integrado, patriota, defensor de si como dos seus e estando orgulhoso do seu país” – com os DEM em vez de reconhecerem os seus próprios erros e optarem por uma política até mais condigna com o seu nome (Partido DEMOCRATA) a, em vez de servirem o seu Povo levando até às instituições Superiores e com Poder (tendo aí maioria, como a Câmara dos Representantes, a sua Assembleia da Republica) todos os problemas básicos dos norte-americanos e de organização da sua sociedade, escolhendo consciente e deliberadamente (sabendo das consequências graves que daí podiam advir, arriscando-se à criação de um cenário propício de “Guerra Civil”)  por servir-se deles até ao limite  (da miséria até à morte e daí ao esquecimento) atirando-os como objetos/descartáveis/deploráveis para a rua e incitando-os (como se fossem uma massa bruta e irracional) − e aqui sendo impossível não recordar as estratégias dos terroristas do Exército Islâmico, por coincidência uma criação do longo braço militar da Máquina de Guerra Norte-Americana − à decapitação e à exibição pública da cabeça do Traidor, aqueles em que votaram, o seu Presidente! E aí cortando a sua própria cabeça e oferecendo-a (num prato talvez com talheres, na dúvida podendo ser um ato racista) ao novo Déspota (qual seria a diferença tendo Hillary ou Biden, sabendo-se o que foi Obama), reinando num país de poder único, não se sabendo bipolar, tantas as hipóteses oferecidas (no antes “Sonho Americano”, agora “Pesadelo Climatizado”).

 

“Muito provavelmente com Donald Trump a “ainda-estar-vivo” aquando das Eleições Presidenciais de 2020 nos EUA − sendo naturalmente o candidato REP − e com os Democratas postos no presente perante a sua mais forte aposta o ex-VP de Obama Joe Biden – sendo naturalmente o candidato DEM – “sabendo-se das capacidades de um e da falta de capacidades do outro”, podendo não haver outra solução senão mesmo a adoção de qualquer tipo (que seja, mesmo que extremo) de “IMPEDIMENTO (IMPEACHMENT)”: de modo a remover de vez o perigoso obstáculo.”

 

14baker-superJumbo.jpg

 

Com o despoletar de mais Evento tendo como epicentro o partido Democrata (seja ele o que for hoje, seja qual for a sua orientação e ideologia, tal a abertura dada pelo mesmo,  tentando chamar a si o máximo de cidadãos − mesmo que nele integrando entre outras minorias estratégicas os “deploráveis”− na sua campanha de “Caça-ao-Boneco-Diabólico DT”) e o alvo das sucessivas ondas de choque Donald Trump − e esquecendo tudo o que está para trás e à volta, de modo a melhor conduzir a besta aplicando-lhe palas mediáticas (um processo muito utilizado tanto por DEM como por REP) – a iniciar-se numa conversa eventualmente tida por TRUMP com ZELENSKI (atual presidente da Ucrânia) levantando fortes e antigas suspeitas de corrupção em negócios envolvendo BIDEN e o seu filho (na Ucrânia mas podendo estender-se a outros negócios e territórios como o da CHINA), sendo levada ao conhecimento dos DEM, levando-os de imediato a acusar TRUMP de “traição-à-pátria”, pelos vistos por atacar um antigo VP e um potencial candidato (DEM) a próximo Presidente dos EUA, ou seja, interferindo e entrando em colisão (antes por interferência russa, agora ucraniana) com as Eleições Presidenciais Norte-Americanas: para muitos assistindo a este episódio e apenas observando e daí tirando conclusões sem ligações nem concessões partidárias, algo de extremamente perturbador quando um Presidente para poder revelar a verdade (neste caso já antigo e até baseado em factos poderosos, mas nunca completamente investigados) se tem que transformar no seu próprio país e como seu Comandante num “WHISTLEBLOWER”interessado na informação (única forma de denunciar o crime, de algo ou de alguém) −  com todos os outros rodeando-o (num extremo ou no outro, mas do mesmo lado da barricada), que o deveriam proteger − dado pertencerem à mesma Máquina (à mesma Engrenagem que todos sustenta desde que pertençam ao partido único (DEM/REP) – e colocando-se ao lado do “LEAKER”interessado na contribuição − apenas desejando selvaticamente o seu Escalpe. No fundo o Nosso! Até porque se para alguns a necessidade de fazer desaparecer TRUMP é cada-vez-mais-urgente, ninguém nos podendo garantir que o seu sucessor (previsto por outros como o nosso salvador) não será ainda pior.

 

affiliate_post_AreBillionairesLeadingAmericaToward

 

[O que está neste momento a suceder na estrutura hierárquica do poder controlado pelo tão propalado Estado Profundo (que para já ninguém sabe bem quem é, ou por qualquer circunstância não identifica), é que um grupo de intermediários desde há muito constituindo a pirâmide a nível de privilégios (por direitos pelos mesmos achados e tornados adquiridos) está a ser posto em causa – logo à frente estando os administradores/gestores e os políticos & associados (público-privados e como uma praga com fortes interligações estando em todo o lado) perdendo a delegação de poderes por desistência dos Milionários (reparando finalmente na utilidade prática de ambos) − podendo-se colocar familiares e já como  tal acontece – tanto para os patrões como para os empregados: para já apenas os derrotados (daí a virulência indescritível da sua resposta) os DEM, mas amanhã (e isso podendo virar-se contra Trump, a última réstia de esperança DEM) estendendo-se a todos e aos REP. Temendo-se pela repercussão (desta luta fratricida, em curso no Poder) nos mais de 300 (milhões de norte-americanos) e do eco repetido na cabeça dos mais de 7,5 (biliões de terrestres).]

 

Quando chegará o dia em que concluiremos que o Mundo é controlado por (alguém inicialmente sendo) um “Pobre e Ignorante”, sabendo-se rodear, no entanto (por pura pratica e experiência) por “Ricos e Doutores (os tais tendo, a “Escola Toda”)?

Naturalmente um dia chegaria, em que educados os filhos do “Pobre e Ignorante” − e tal como acontece com toda a gente deste Mundo − os “Ricos e Doutores” tornados então desnecessários (por excedentários) seriam de imediato dispensados.

 

(imagens: pintrest.com – Steve Nease/durhamregion.com – nytimes.com − trofire.com)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 16:50

21
Mar 19

E já agora descubra a diferença

− Bono Vs. Bono

Se é que ela existe mesmo!

(Eu faço parte dos 99%/modelo de gama baixa ainda-por-cima descontinuado

e Este é um tipo dos 1%/modelo de gama alta recentemente reconvertido)

 

Um exemplo do caminho obrigatório a percorrer pelas nossas Elites atualmente no poder (todas afirmando lutar pela Equidade Universal), oriundo do Mundo do Homem (apagados os outros Trilhos) e da Projeção adotada (ou adaptada, como quiserem) em que esta Sociedade do Espetáculo se transformou: em que tudo gira à volta (exclusivamente) do dinheiro − e do poder (ilimitado) que ele pode proporcionar − desprezando-se a Necessidade (de muitos) e até mesmo o Acaso (que nos faz Navegar entre a Ordem e o Caos).

 

snapshot.jpg

U2

Sunday Bloody Sunday

Londres 22.03.83

(ensanduichado de um lado e adaptando-se)

 

Ambos fundamentais para todo o tipo de Transformações (que nos leva ao Movimento pela necessidade de sobrevivência/diferenciação) e uma forma de Negar (pelo menos Espiritualmente) os limites impostos por uma Viagem Previamente Interrompida (no nascimento/de onde viemos como na morte/para onde vamos):

 

Sabendo-se desde os primeiros dias (e por tantas vezes verificado na prática, se não nos virmos como algo de isolado biologicamente e verdadeiramente algo de anormal) que “Na Natureza Nada Se Cria E Nada Se Perde Tudo Se Transforma” (Lavoisier).

 

E abertos bem os olhinhos e profundamente estudadas (todas) as condicionantes (entre trilhos, caminhos, vias rápidas) − a Vida dá-nos a Experiência e a Arte de Saber (para o Bem e para o Mal na nossa perspetiva católico-romana) – facilmente ficando-se a saber quais as escolhas (Amigos) a fazer (para integrar os 1%):

 

davos_world_economic_forum_summit_0.jpg

Bill Gates & Christine Lagarde

Bono

Davos 2019

(ensanduichado do outro e readaptando-se)

 

E partindo de SUNDAY BLOODY SUNDAY (como o fez BONO esquecendo-se do Bloody) chegando-se rapidamente a DAVOS (a Terra dos Excecionais).

 

Nem que para tal tenhamos, que engolir Sapos-Vivos (como Gates e Lagarde entre muitos mais predadores).

 

Sabendo-se ainda-por-cima que o que se passa atualmente na AMÉRICA (hoje de Donald Trump, como o poderia ser/de outra forma, de Hillary Clinton) representa apenas o início de uma Luta de Morte e sem quartel entre os Milionários do Mundo e os até agora seus fiéis e subservientes (mas bem pagos) Representantes Políticos (agora tornados obsoletos/dispensáveis tanto para Ricos como para Pobres). Já agora (e aproveitando para falar dela) a omnipresente traição:

 

Pelos vistos todos nós atraiçoamos alguém

(ou algo parecido com isso, sendo uns bons e outros maus)

 

Como BONO o fez à sua banda U 2

a nível internacional

(partindo de SUNDAY BLOODY SUNDAY e chegando a DAVOS)

E tal como Miguel Sousa Tavares o fez ao seu amigo David Crockett

− a nível nacional

(esquecendo-se da sua jura feita em livro e deixando-o morrer).

 

(imagens: Stories For Boys/youtube.com e socialistvoice.ie)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 19:23

21
Abr 14

“A menos de quatro dias da data em que os portugueses há quarenta anos tiveram talvez o último vislumbre de respeito e de esperança: hoje os mesmos que venderam em 1580 Portugal a Espanha repetem a sua traição mas agora com a Alemanha. Será que ainda existem portugueses”?

 

Loja Portugal

 

Com um PM sem um pingo de cultura e vergonha e um PR inexistente por puro oportunismo pessoal, reconheçamos finalmente que o nosso país já não existe encontrando-se à venda em Berlim.

 

Se ainda tinham dúvidas do afirmado anteriormente vejam os títulos do último relatório do FMI, estrategicamente conhecido na semana da Comemoração em Portugal do 25 de Abril “ O Dia da Liberdade”.

 

Será mesmo necessário ler o relatório? E conhecer a Verdade?

 

(imagem – Web)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 16:43

03
Jan 14

Coloquem os dirigentes políticos deste Governo Fenomenal – que encontrou na exterminação do Estado Português a salvação de todos os seus problemas – a sentirem exclusivamente na sua própria pele a sua Espectacular Traição e Incompetência (nunca apresentaram qualquer plano ou estratégia que fosse de investimento e de recuperação do país, apenas se dedicando a extorquir os rendimentos do trabalho dos cidadãos) mandando-os estagiar para uma das suas principais referências económicas e Financeiras, a China.

Podiam por lá ficar por muito tempo mas duvido que os quisessem!

 

China

Regimento Militar – Exercício Matinal – Temperatura: -30°C

 

Imagem o que seria estarmos um dia sossegadinhos e quentinhos em casa à luz da electricidade fornecida pela China, a ver num dos muitos canais fornecidos pela TV Cabo controlada por Angola, um programa seguindo as orientações tutoriais da Alemanha e realizada por uma rede do Brasil, em que os protagonistas únicos e principais fossem os excelentes políticos que temos tido até hoje e que de tanto gostarem de nós nunca mais nos quiseram largar.

Seria Espectacular vermos estes parasitas sem saberem o que parasitar – atirar-se-iam uns aos outros como num Big Brother/Secret Story e sem prémio a receber, suicidar-se-iam no final. Finalmente os seus corpos poderiam como cadáveres ter alguma utilidade sendo utilizados – mas com alguma precaução – para estrume artificial.

  

(imagem – ChinaFotoPress/Getty Images)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 15:06

16
Set 12

Filho de ladrão, não rouba não?

 

Só levando os grandes criminosos a tribunal poderemos salvar o mundo. Mas será isso possível? Eles dizem que não, isso seria o fim-do-mundo e o regresso definitivo à barbárie! Então olhem agora em vosso redor e expliquem-me o que se está a passar – será isto o Paraíso, o Purgatório ou o INFERNO?

 

As Crianças

 

Os abusadores de jovens já sabiam disso há muito tempo

(foto – Porto)

 

Com a Educação transformada numa linha de montagem, com a Memória esmagada pelos gestos repetitivos exigidos pelas máquinas e com a Cultura subalternizada ao poder do dinheiro, é claro para os jovens pais e para os filhos deste país, que quem manda não os respeita nem aos seus sonhos ou ideais, que quem manda não tem vergonha do que faz nem sequer sabe que coisinha somos e que quem manda não se incomoda nada em faze-los desaparecer, ignorando-os ou convidando-os à alienação total mas para lá das fronteiras da nossa independência. Mas os mais jovens sabem que não podem permitir que este processo continue o seu caminho destruidor, aniquilando uma sociedade através do seu estrangulamento económico, esmagando constantemente as famílias com impostos e taxas sucessivas – chegando ao cúmulo da falta de vergonha total e constitucionalmente ilegal, de nos retirar uma grande fatia do nosso já miserável salário e oferece-lo ao pobre do patrão – e com isso tudo assassinando deliberadamente esta nova geração de portugueses e as suas já poucas sustentadas esperanças, com uma política desastrosa e miserabilista, sem regras e imoral.

 

Os Algarvios

 

 

Os responsáveis ignoram o Algarve – aqui não existe gente só existe turismo

(foto – Portimão)

 

Com uma taxa de desemprego superior à média nacional, com empregos sazonais que apenas permitem a obtenção de um salário em menos de metade dos doze meses do ano, com as estruturas de solidariedade a falharem por falta de verbas de apoio e sem alternativas visíveis aos serviços prestados pela hotelaria, restauração e outros setores associados – banca e seguros – dado terem sido deliberadamente destruídas outras áreas de desenvolvimento regional – como a agricultura, industria e pescas – o que é que nos resta senão um pedido de ajuda e ações de revolta organizadas contra a falta de vergonha de quem nos diz governar e apenas se governa. Provas? Olhem apenas para o nível de vida económico e financeiro da esmagadora maioria dos nossos políticos, antes e depois de servirem com tantos sacrifícios e sofrimento, a pátria que só eles conhecem e sabem defender como ninguém – pelo menos é isso o que eles dizem, certamente para não serem julgados em tribunal e serem presos por burla, corrupção e traição.

 

(imagens – WEB)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 17:31

Junho 2020
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO