Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


UAP’S de Verão

Quinta-feira, 15.07.21

Cada vez mais sós e isolados (de preferência fechados dentro de casa) devido não só às imposições do vírus (medidas de prevenção e de segurança) como às manifestações de prepotência exibidas pelas nossas autoridades (tentando encobrir a sua incapacidade e incompetência) ─ o medo, sendo uma das armas preferidas do sistema em que vivemos ─

ufo uap flir camera.jpg

O cenário

(sessão de treinos)

Agora que nos abrem um pouco a porta para podermos ir dar uma voltinha, cortando-nos por outro lado a possibilidade de nos irmos abastecendo no decurso do percurso conforme as nossas necessidades (devendo-se comer e beber para contrabalançar a energia gasta) ─ até para termos uma refeição em conjunto, confraternizando, deixando de estar só, comunicando (numa grande contribuição para a manutenção do nosso equilíbrio mental) ─ restando-nos por vezes recorrer à nossa Imaginação para substituir aquilo que a realidade (devendo, sendo essa a contrapartida pelo nosso comprometimento) não nos oferece.

Desse modo deixando de olhar em frente (para os lados ou para baixo) e passando a olhar para cima, para o céu, para a Lua, para as estrelas, para o Espaço (sendo ao contrário da Terra) sem fim.

snapshot1.jpg

O avião

(ao centro)

E entrados nesta época de Verão com calor, descanso, praia, mar, boa comida, contactos, mesmo que só para alguns ─ seja em Portugal ou no resto do Mundo ─ face a tudo o que se passa cá por baixo (superfície da Terra) desde epidemias, guerras, fome, crises socioeconómicas algumas delas sem retorno ─ tudo o que há de pior e parecendo querer confirmar a afirmação, ”o Inferno localizar-se na Terra” ─ virando assim a nossa cabeça e toda a nossa atenção para o ar (como todos os “cabeças-no-ar”) e para apimentar mais um pouco todo o cenário (de modo a torna-lo mais apelativo, fazendo-nos logo acreditar ou duvidar) acrescentando-lhe um pouco do interpretado (não tendo outros argumentos, contra ou a favor) como “teoria da conspiração”:

snapshot2.jpg

O UAP

(à esquerda de UFO)

Introduzindo os UFO (termo Hard anterior para definir OVNI) agora numa versão mais soft denominados como UAP.

Numa montagem deste ano (aparentemente oriunda da Homeland Seurity) observando-se um fenómeno aéreo de origem desconhecida (um UAP) com um objeto desconhecido deslocando-se nas proximidades de um avião A10 Warthog (numa missão no Arizona), em princípio um UFO/OVNI.

Levantando desde logo muitas dúvidas/questões sobre a veracidade destas imagens, se uns acreditando poder estar-se perante um exemplo de um “objeto voador não identificado” ─ agora que o Pentágono no seu relatório (recente) falou de UAP’S ─

snapshot3.jpg

Avião e UAP

(à esduerda/direita da mira)

Outros afirmando-se tratar-se de mais uma tentativa de engano sendo “FAKE”, apontando desde a não mudança dos valores dos parâmetros expostos no ecrã de voo (só reparei mudando o relógio), a má qualidade de imagem não sendo a esperada (continuando com o aspeto mal definido de uma “batata”) e ainda a reduzida dimensão do UAP com um diâmetro de cerca de 1,5 metros:

Não sendo um drone terrestre (norte-americano, russo ou chinês) podendo ser algo mais (mas, não sendo do nosso conhecimento), desde um UAP comandado à distância, ou então se pilotado presencialmente, tendo o seu ocupante de ser referenciado a uma “raça-de-anões”, talvez extrassolares.

(imagens: NY UAP Discussion/youtube.com/ufosightingshotspot.blogspot.com)

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 02:06

O Relatório do Pentágono

Quinta-feira, 01.07.21

“Poderá ter confirmado os UAP/UFO como sendo um fenómeno de origem norte-americana, para descanso dos seus cidadãos e afirmação da sua superioridade ao Mundo.”

screenshot-136.jpg

US FLYING SAUCER

Disco-Voador, OVNI, UFO ou UAP

a convicção da sua origem ser os EUA

 

Depois da recente publicação do relatório do PENTÁGONO tendo como tema os Fenómenos Aéreos Não Identificados ou UAP (verificando-se desde logo a substituição da sigla UFO pela sigla UAP, sendo um sinal), a chegada à conclusão da não existência de qualquer tipo de evidência de que estes fenómenos poderão ter intervenção exterior (mesmo que sendo estranhos e alheios ao nosso conhecimento cientifico-tecnológico): logo não o sendo ─ a evidência externa, sugerindo para o público a ideia dos UFO/ALIENS (forma HARD de encarar o assunto) e para o Pentágono dos UAP (forma SOFT) ─ como mensagem subliminar (subentendida) e não podendo jamais os EUA estarem num nível inferior querendo ser considerada (e perpetuada como) a maior potência global, tendo-se de traduzir e de concluir não serem igualmente fenómenos de origem russa ou chinesa, mas obviamente (por eliminação) de origem norte-americana. Servindo-se apenas do argumento dos UAP (pelo seu poder superior e remetente desconhecido) ─ associando-os estrategicamente aos UFO ─ poderem ser considerados como futuras e potenciais ameaças para a segurança dos EUA e como tal, sendo necessário um grande e decisivo reforço orçamental na ciência e na tecnologia militar necessária para nos defender, depois de obtido o mesmo (o reforço orçamental para a defesa) sendo então canalizado não para o ESPAÇO mas para a TERRA Oriental (onde se situa a Rússia e a China).

1806.jpeg

ARE WE ALONE IN THE UNIVERSE?

So far, the only life we know of is right here on Earth.

But here at NASA, we’re looking.

 

[E esperando-se para ver o que dirão os ditos Teóricos da Conspiração tendo alinhado com toda esta encenação (para o povo dividido e indiferente, bem montada), tendo-se confirmado o que já antes se sabia, sendo esta apenas mais uma tentativa de reforço do orçamento militar dos EUA, tendo agora como inimigo não só a Rússia como sobretudo a China: provavelmente tendo-se transformado numa “massa disforme”, dividida entre o que antes afirmavam ser e o que hoje na realidade (num espetáculo de ilusão) poderão ter demonstrado nunca ter sido (além de mais uns infiltrados, trabalhando/expondo-se para quem lhes paga).]

(legenda/inglês: nasa.gov ─ imagens: boingboing.net/nasa.gov)

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 22:12

Afinal o ET (não sendo norte-americano), só podendo ser Russo ou Chinês

Terça-feira, 29.06.21

“Com o relatório do Pentágono sobre os UAP ─ e tal como seria expetável ─ a ser (estratégica, consciente e deliberadamente) um flop. Esperando-se consequências (mas colaterais).”

9djqga9zFCiMF8QLu4saRK-970-80.jpg

E tal como o povo crédulo e o povo não crédulo esperavam, tendo já sido tantas as experiências anteriores e semelhantes, com o tão ansiosamente esperado relatório do Pentágono ─ desde logo separando águas substituindo UFO’S (Objetos Voadores Não Identificados) por UAP’S (Fenómenos Aéreos Não Identificados) ─ a confirmar a existência de UAP’S (podendo ter qualquer tipo de origem e serem artificiais ou naturais) e a não confirmar a existência de UFO’S:

Ou seja, sendo Extraterrestre faltando apresentar provas irrefutáveis de tal e em “flagrante delito” (mas não existindo ou sendo mínimas, não “sendo convincentes”), não o sendo (como admite o relatório do Pentágono) apontando-se então para a indicação da opção de origem Terrestre, não sendo esta norte-americana, só podendo ser russa ou chinesa.

4456.jpg

“Um flop sendo apenas “floreado” por Marco Rubio, justificando o injustificável com “conversa de treta”, por não existência (deliberada, deixando tudo ao “acaso) de conclusões.”

E não se tendo constatado logo no início de todo este processo, a introdução de um elemento externo (OVNI´S e Alienígenas) para justificar o verdadeiro ponto e alvo de interesse (Terrestres, russos e chineses) sendo este oposto e virtual por interno ─ necessitando-se de um Orçamento Militar reforçado, criando-se inimigos poderosos, mas potenciais (introduzindo-se o medo) e sobretudo hipotéticos

PHFZnXKDEjZDhWH6tKNZbh-970-80.jpg

Confirmando-se agora o que preocupava os EUA, não uma possível “Invasão Alienígena”, mas o crescente incómodo dos norte-americanos face ao crescimento Global das capacidades cientifico-tecnológicas das duas grandes potências (do outro lado do Hemisfério Norte), a Rússia e sobretudo a China:

Não sendo (portanto) um ET a tripular um UFO, podendo ser um russo ou um chinês estando presente num “fenómeno aéreo desconhecido” (ou UAP), nem necessitando de um “disco-voador” ─ dispondo de tecnologia revolucionária/avançada ─ para não deixar de ser (sendo-o só pela sua presença) uma ameaça.

(imagens: Getty Images/livescience.com ─ GettyImages/theguardian.com

─ Colonial Productions/livescience.com)

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 13:53

Pentágono ─ Os Alienígenas Estão A Chegar

Sábado, 26.06.21

“Visionando desde já num futuro próximo ─ com Biden Presidente dos EUA e com o português Guterres dirigindo a UN ─ um UAP a aterrar em Nova Iorque, saindo de lá um familiar do ET, seguindo-se de um encontro de proporções inimagináveis, podendo até ser intergaláctico.”

1-unidentified-UFO alienstar.net.jpg

Esperando-se ansiosamente pela revelação do relatório de segurança, a ser concretizada ainda este mês de junho no Congresso norte-americano, sob a responsabilidade do Pentágono ─ com a expetativa a apontar para uma declaração afirmando que “os Objetos Voadores Não Identificados” (OVNI’S)  existem ─ começando-nos a faltar as “unhas dos dedos” (de 10, roídas 5 restando 5 “dias”) tal o nervosismo instalado um pouco por todo o Mundo: existindo OVNI’S, existindo ALIENÍGENAS e como tal e até para prevenindo (não apenas remediando) nos podermos em último caso defender, tendo-se naturalmente de reforçar o Orçamento Militar, não só no interesse dos EUA (direto) como como nosso protetor (indiretamente), no de todos nós.

1-UFO alienstar.net.png

Confirmando-se a existência de OVNI’S/UFO’S, equipados de uma tecnologia extremamente avançada e completamente desconhecida por estes lados (da Terra, dos terrestres) e certamente sendo tripulados/conduzidos presencialmente ou à distância de alguma origem (podendo ser bem distante, expressando-se através de números incompreensíveis para nós, dados os nossos limites espaciotemporais, na nossa mente ainda nos primeiros estados da sua evolução, não os conseguindo conjugar) até este destino (aleatório ou programado), podendo aí proporcionar-se um momento de expansão (extensão e melhor compreensão) começando-se finalmente a acreditar que, da mesma maneira que a Terra não era o centro do Mundo (geocentrismo) sendo apenas mais um objeto entre tantos, nós não seriamos os únicos (exclusivos, com um Deus exclusivo) mas estaríamos acompanhados, sendo uma das hipóteses (mais credíveis) partilhar.

th dailystar.co.uk.jpg

Não o sendo não passando da confirmação definitiva por parte do Pentágono (e de todas as outras agências de segurança dos EUA) de que esses Objetos (voadores-desconhecidos) não existiriam (logicamente, por já serem conhecidos pelos próprios), assim como até pela sua concretização e falso objetivo exposto (pretensamente os UAP, Fenómenos Aéreos Não Identificados, uma forma soft de dizer OVNI/UFO, palavras já tão maltratadas), que esta conferência seria mais um embuste (estratégico e servindo-se de idiotas, nós), apenas utilizada como campanha de marketing-publicitário destinado a encobrir o verdadeiro alvo desta “inusitada iniciativa”, esses sendo bem “terrestres”: existindo Extraterrestres ou não, objetos voadores não identificados ou pelo contrário (OVNI/UFO/UAP), tendo andado por cá e ainda andando ou na realidade nunca ninguém os tendo visto e apresentado provas (nunca ninguém os tendo visto tal como com Jesus, talvez tendo sido um dos passados “astronautas”),

ufo triangle military educatinghumanity.com.png

Tendo fixo na cabeça que a ameaça ─ dos ditos UAP e dos possíveis ALIENS, controlando as suas “extraordinárias máquinas voadoras” ─ não será exterior (XAU-XAU ET’S) mas sim mais uma manobra dos norte-americanos tendo agora na ponta-da-mira da sua arma (pacifista) a China, não hesitando os EUA para a obtenção de um reforço orçamental destinado unicamente à defesa e ao seu rearmamento militar “na Terra” (e não destinado ao Espaço, tal competindo aos privados e aos seus mercenários) de nos confundir assim como todo o Mundo, sugerindo (a nível inconsciente, subliminar) que os alienígenas atrás de tais máquinas poderão ser chineses confundidos por ET’S, por serem pequeninos, terem os “olhos-em-bico” e muitas “Lojas dos 300” (onde vendem estes protótipos-brinquedos, certamente não passando de DRONES adaptados, replicados da América pela China).

ufos-comparison latest-ufo-sightings.net.png

No entanto mantendo-se a esperança de que, tendo os líderes norte-americanas “ligações privilegiadas com Deus” (afirmado publicamente pelos mesmos e sendo alguns destes Presidentes), sendo os alienígenas tal como nós inferiores ao Criador, os EUA poderão também ter na realidade já contactado ou sido contactados por eles. Nesse caso e confirmando-se (a ligação EUA/DEUS), já com os testemunhos de Presidentes e ainda com o testemunho de Deus. Uma visão conjunta (entre o religioso e o extraterrestre, entre o agrado e o profano, mas na nossa história confundindo-se) que já tivemos há muito tempo atrás em Portugal (já lá vão mais de Cem anos), com o “Milagre do Sol” juntando Aparições, uns dizendo ser o Sol, outros Nossa Senhora de Fátima e outros ainda “discos-voadores”: só não tendo tido nenhum Presidente com coragem (“tomates”) para encarar tal fenómeno, mesmo tanto tempo passado sob os “fenómenos do entroncamento” (com o 1º caso a ser relatado, a ser o do avistamento de um melro branco, quando como toda a gente sabe que eles são pretos e já agora ainda outro, um carneiro com quatro cornos, quando deveria ter apenas dois).

(imagens: alienstar.net ─ dailystar.co.uk ─ educatinghumanity.com ─ sightings.net)

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 00:29

Pentágono ─ Atrás de um UFO podendo estar um Chinês

Quarta-feira, 23.06.21

“Anos e anos a fio a dizer NÃO, tendo obvia dificuldade em dizer SIM e sendo a Vida um Jogo, optando pela utilização de uma aposta múltipla desportiva, o sempre certo 1X2.”

snapshot.jpg

US Navy detonate a massive explosion in the Atlantic Ocean

to test their warsh.

(The Telegraph)

 

Cada vez mais próximos da data-limite (sexta-feira, 25 de junho) divulgada pelo Pentágono para a apresentação no Congresso dos EUA do relatório sobre “Fenómenos Aéreos Não Identificados” (ou UAP’s) ─ não se falando aqui de UFO/OVNI ou de ALIEN/ET, tornando o assunto e a conclusão mais redutora (sugerindo no fundo não serem verdadeiramente os ET’s o foco da conferência, mas certos T’s)

Cresce cada vez mais a expetativa (um pouco por todo o Mundo, até pela estranha inversão de estratégia das diversas agências de segurança) sobre as conclusões e argumentos que aí serão apresentados ─ tendo os temas UFO e ALIENS, acompanhado pelo menos desde o incidente de Roswell (ocorrido em 1947), o imaginário norte-americano

Muitos esperando (ou melhor, desejando) ter chegado o momento (decisivo, “agora ou nunca”) de finalmente se poder afirmar que os UAP existem e com eles (compreendendo-se as consequências da existência desses veículos), outras espécies inteligentes que não e como pensávamos até agora, a nossa própria raça de Terrestres (T), sendo do exterior denominados como Extraterrestres.

sddefault.jpg

Highly anticipated Pentagon UFO report

lands this week.

(cnet.com)

 

Mas sendo sempre de desconfiar das atitudes públicas das autoridades norte-americanas, habituadas desde há muito tempo e sem contraposição (desde o colapso da URSS) a dizer tudo o que lhes apetece (e que lhes passa pela cabeça, mesmo sendo Fake News), da nossa parte tendo invariavelmente como reação sinais de consentimento e de submissão ─ de “deixa andar” (forçados a vê-los como poderosos-salvadores)

Nada colocando em questão, apesar de às vezes o cerne da mesma (questão) possa estar em nós mesmos os Terrestres e não em algo/alguém exterior (ao nosso Ecossistema) denominado Extraterrestre:

Infelizmente sendo proveniente dos EUA podendo ser simplesmente (e aproveitando a ocasião) mais uma “fraude estratégica” (ou seja, e apesar do que se pensa, levada a cabo para o bem do Mundo),

─ Tendo a China (não os ALIENS) na mira ─

China-Airport-UFO-700x380.jpg

China July 2010

UFO sighting over Hangzhou International Airport.

(ufoinsight.com)

 

Desviando os nossos olhos (e atenção) para uma ameaça exterior, quando o que se passa é mais um passo em frente para a manutenção da supremacia global, inventando inimigos-extra podendo-se aumentar ainda mais o já “Galáctico”, orçamento militar norte-americano.

Prognosticando que no próximo dia 25 (ou dias seguintes) o Pentágono irá afirmar que “dados os testemunhos e as evidências não poder recusar a hipótese de os UAP serem de origem extraterrestre, nem mesmo o seu contrário”, deixando tudo na mesma e arranjando mais armas para apontar aos “usurpadores” chineses:

E em vez de se rirem de nós (da piada, dos que acreditam nos UFO/UAP), passando agora a olhar-nos com um sorriso algo amarelo (aceitando em seu benefício, a crença desses idiotas).

(imagens: Telegraph/Ufo Insight)

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 02:39

US Space Force ─ Trocando UFO’S por Armas

Sábado, 19.06.21

E numa ação psicótica própria do novo Presidente, vivendo uma realidade (paralela) de um Outro Mundo que não este (pelo menos sendo visto como inatingível, para muitos de nós),

snapshot1.jpg

A insistência das autoridades norte-americanas na existência de UFO’S (quando desde sempre a negaram e ridicularizaram),

Como forma de demonstração da possibilidade de os EUA se encontrarem face a determinados adversários (até agora desconhecidos, por identificar) em nítida inferioridade cientifico-tecnológica (como tal e por associação, militar),

snapshot3.jpg

Justificando desse modo a necessidade de um ainda maior investimento na Segurança e na Defesa, um reforço do seu Orçamento (em mais uns tantos biliões) para uma maior expansão da sua indústria e poderio militar.

Passando exponencialmente de uma função do tipo 1 para uma outra do tipo 100 (acreditando na 1ª quem quiser, acreditando na 2ª quem puder),

snapshot4.jpg

Temporariamente “NÃO sendo SIM”, sendo aprovado o sim porque não:

E de alienígenas do Espaço passando-se a alienígenas do Oriente, desviando-se as armas dos ET’S e apontando-as agora aos russos e sobretudo aos chineses.

snapshot8.jpg

Invocando para o reforço orçamental e militar a necessidade de investimentos na SPACE FORCE, quando na verdade o que se sempre pretendeu foi o reforço da EARTH FORCE.

A 16 deste mês tendo sido feita a “invocação” e a 25 de junho no Capitólio dando-se a “consumação”.

snapshot10.jpg

Escancarando-se as portas para um reforço do poderoso (e inigualável) complexo industrial-militar norte-americano.

Mantendo pelo menos os alienígenas terrestres (como o são os exteriores às suas fronteiras, os mexicanos) no seu lugar e a uma distância mínima de segurança,

snapshot12.jpg

Colocando-lhes e até para sua proteção (não sabendo eles o que fazem), misseis nas suas fronteiras.

Ou não pusessem uma grande parte deles (entre russos/146 milhões e chineses/1400 milhões), os olhos dos norte-americanos (331 milhões) “em bico”, quase 1 par-de-olhos norte-americano para 5 par-de-olhos chineses.

(imagens: Michael Salla/youtube.com)

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 19:06

Encontros Imediatos de Grau Zero

Terça-feira, 23.03.21

[Em tempo-de-confinamento e de cabeça-virada-para-o-ar.]

 

Desde há 74 anos (“ainda ontem estava vivo, agora já estou morto”) seguindo o mesmo rumo de modo a aproveitar (sendo na altura inoportuno de revelar) sempre que possível toda a espécie de “incidentes-acidentais”

 

snapshot0.jpg

Na mira dos caças norte-americanos

(limitando-se a vê-los passar)

 

─ Como este tornado mundialmente famoso tendo ocorrido a 8 de julho de 1947

com a queda de um “disco-voador” (OVNI/UFO)

na localidade norte-americana de ROSWELL (estado do Novo México)

 

Que usando propositada e conscientemente um método monótono por repetitivo e de aplicação direta e/ou subliminar (cansando por não evolutivo, mantendo o status quo, adormecendo-nos/suicidando-nos), as autoridades norte-americanas (como o FBI, a CIA e o Pentágono) rodeiam e envolvem estrategicamente (e muito pacientemente) o tema (que a nível de segurança deveria ser de prioridade máxima) impedindo-o de se desenvolver:

 

Adiando ou descredibilizando desde o início a situação apresentada (se necessário negando-a ou alterando-a por substituição), impedindo uma investigação mais aprofundada apontando-a “sem interesse ou do foro confidencial” e até introduzindo-lhe um outro fator intrusivo, penetrante e decisivo ─ estando-se em 1947, o fator “Guerra Fria”.

 

Pois tendo-se que compreender que não sendo objetos voadores de origem norte-americana, se podendo ser de origem Extraterrestre (alienígena, estrangeira, como os alienas-mexicanos do outro lado da fronteira) ─ o que provocaria o caos ─ podendo igualmente ser de origem russo-soviética ─ o que provocaria a Guerra:

 

snapshot1.jpg

Surgindo de repente entre as Nuvens

(surpreendendo o tráfego aéreo)

 

E se se pode brincar ao jogo “do Caos & da Ordem” (com um complementando o outro, evoluindo sucessivamente entre o caos e a ordem, formando um todo) fazendo tal esquema parte do “Ciclo da Vida”, já o mesmo não se podendo fazer optando entre “a Guerra e a Paz” e podendo o povo tornar-se incontrolável encravando o mecanismo e fazendo desabar o Sistema.

 

Sendo muito mais eficaz manter-nos na incerteza, do que prometer ou divulgar (seja o que for e dando-nos poder, obviamente sobre os outros).

 

Vindo os “Russos e os Alienas” e se necessário os “Trumpistas e os Bidenistas” ─ duas espécies de septuagenários pelos vistos (derrotando durante um ano e sem necessidade de vacina) imunes ao vírus.

 

Um tema mais de mil e uma vezes falado, mais de mil e uma vezes discutido, mais de mil e uma vezes teorizado (mas nunca nada se tendo apresentado, comprovado ou exposto/praticado), sempre atirado para a frente aparentemente com um (acham muitos) ou muitos (acham poucos) motivos:

 

snapshot2.jpg

Evoluindo no Céu Noturno

(espantando c/ a sua aceleração e movimento)

 

Acompanhando-nos ao longo da nossa história (e desde que temos consciência) ─ do passado até ao presente talvez mesmo no futuro ─ antes tão bem retratado (usando a mão, o pincel) depois com tão pouca definição (usando alta tecnologia).

 

Levando-nos a pensar por associação (de pormenores como alguns dos anteriores) assim como por junção ─ de cultura, de memória ─ não serem de origem terrestre, podendo ser Extraterrestres ou mais uma nossa invenção (miragem, ilusão, projeção):

 

Não tendo o Homem mente para tal, nem instrumentos consentâneos (tecnologia revolucionária), só podendo existindo ser Algo para nós extraordinário (incompreensível, talvez nunca visível, um Deus ou então um Astronauta).

 

Pelo que nunca tendo sido divulgado, aquilo que nem se sabe o que é ─ por Bush, Clinton, Obama, Trump, Biden (tanto faz) ─ o que eles na realidade nos oferecerão será (mais 74 anos) ainda mais “lixo mediático”.

 

Agora com Trump de fora relembrando a Biden a promessa, feita e repetida em mandatos anteriores: com os ET a observar (e a apostar) se será agora que vai dar.

 

(imagens: Paradigm Shifts UFO Channel/Fox News/youtube.com)

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 00:05

UFO BY SPACEX

Sábado, 21.03.20

STARLINK MISSION

 

At 8:16 a.m. EDT, or 12:16 UTC, on Wednesday, March 18, SpaceX launched its sixth Starlink mission. Falcon 9 lifted off from Launch Complex 39A (LC-39A) at NASA’s Kennedy Space Center in Florida. (spacex.com)

 

snapshot c.jpg

Enquanto prosseguia a queima de combustível no andar do FALCON 9

inesperadamente (imagem da esquerda, canto superior direito) surgindo a surpresa

 

Esta quarta-feira com a SPACEX (de ELON MUSK) utilizando o seu foguetão FALCON 9 a parir do Centro Espacial Kennedy (na Flórida),  ao lançar para colocação em órbita (da Terra) de mais seis dezenas de satélites STARLINK (sexto lançamento/comunicações de baixo custo, privilegiando a INTERNET) – com comboios anteriormente lançados e deste tipo de satélites (como se fossem diversas carruagens, movimentando-se em fila indiana, umas atrás das outras) a serem já observados atravessando os céus noturnos (e a poluírem-no, que o digam entre outros os astrónomos) – eis que no decurso da mesma missão e durante a filmagem da mesma (da responsabilidade da SPACEX) surgindo inesperadamente diante das câmaras, em movimento e durante um brevíssimo espaço de tempo (em subida e com o andar do foguetão já em descida), um objeto voador desconhecido ou UFO (OVNI).

 

Screenshot_2020-03-19 STARLINK MISSION SpaceX.png

Movimentando-se a alta velocidade da esquerda para a direita e vindo de um nível inferir,

com um objeto voador sugerindo a forma de um DISCO-VOADOR a surgir e a desaparecer

 

Nesse momento e com a telemetria do 2º andar do FALCON-9 (1º andar já em descida) a indicar uma altitude de 204Km e uma velocidade de 15.028Km/h, surgindo disparado e a grande velocidade um objeto voador vindo “de baixo”, passando rapidamente diante do FALCON 9 e (num tiro) desaparecendo de imediato. Na realidade e como observa o site [ufosightingshotspot.blogspot.com] não se podendo afirmar neste caso o objeto observado poder ser derivado  (pertencendo-lhe) de possíveis partes oriundas do foguetão (e seus andares) da SPACEX − com o aparelho de ELON MUSK “em descida” e o objeto MISTERIOSO “em subida – pelas características do evento e pelo objeto voador e  tecnologia evidenciada (pelas suas performances técnicas, que se saiba ainda inacessíveis aos Terrestres − como a sua velocidade) só podendo ser de origem Extraterrestre.

 

(imagem: spacex.com)

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 01:08

E depois do Covid-19, Aliens-20 (Conspirações)

Terça-feira, 17.03.20

Num momento em que a raça dominante à superfície do planeta Terra (para quem ainda não se esqueceu, o HOMEM) se debate intensamente e por todos os Continentes com mais uma Pandemia introduzida pela intervenção inesperada e oportunista de um elemento interno, não identificado e sobretudo letal – o novo coronavírus COVID-19 tendo até ao dia de hoje (terça-feira 17 de março) infetado quase 200.000 indivíduos, vitimado mortalmente quase 8.000 deles e globalmente, com a Curva (a caminho do seu pico máximo de contágio/infeção, ou seja, de taxa de mortalidade) ainda a crescer exponencialmente

 

We Are Being Watched By Large Alien Ships

(13.03)

alien-spaceships-iss (1).jpg

Impressive ... this is getting more and more exciting, these formations of UFOs and huge spacecrafts moving freely through space and close to the International Space Station. The ongoing appearance of these clusters of extraterrestrial spacecrafts is no longer a coincidence, something is going on in deep space forcing these UFOs to move to other locations.

(ufosightingshotspot.blogspot.com)

 

Eis que as notícias anteriormente difundidas por alguns sites/diários online alternativos, ligados aos UFO/ALIENS e às Teorias da Conspiração − como ainda a outros diários conservadores ou não, ditos mais abertos/sensacionalistas − aumentam ainda mais de intensidade na sua intervenção e nos seus pedidos de explicação, relatando-nos sucessiva e quase que diariamente episódios (com provas e testemunhas e utilizando mesmo as imagens chegando-lhes oficialmente, através de canais da NASA como o Live Feed da ISS) sugerindo que a Terra poderá estar no presente sob observação atenta/intervenção mas oriunda do exterior:

 

What Caused This Enormous Discharge in Deep Space?

(15.03)

nasa-sun-nibiru-planetX -sun-space.jpg

Last February, NASA's satellite Stereo A HI1 captured something strange in space for several days. What we see is an immense force field coming in from the right, surrounded by some sort of energy ring.

(ufosightingshotspot.blogspot.com)

 

Aparentemente − e utilizando maioritariamente imagens oriundas da ISS, curiosamente muitas vezes em emissões (ISS Live Feed) sendo inesperadamente interrompidas, quando surge algo de “esquisito – com um grande número de naves espaciais (obviamente e pela tecnologia necessária, não sendo de origem terrestre) estando constantemente a aparecerem nas nossas proximidades e pelo evoluir dos relatos, com o interesse de quem as dirige e nos observa (tão interessadamente) a ter tal como com o vírus um crescimento exponencial – podendo-se a partir daí concluir pela possibilidade do aparecimento de uma “Segunda Vaga (se extrema de extinção, se de manutenção evolutiva, aplicada em paralelo), tudo indicando tendo-nos de novo como protagonista, seja qual for a sua intenção ou pretexto de origem extraterrestre, podendo ser denominado como vírus ALIEN-20.

 

US General Warns of ‘Sinister Force' Scouting Earth

(16.03)

alien-force-scouting-earth.jpg

General Douglas MacArthur was an American war hero and one of the most popular armed service members of the 1940s and 50s. But what few know about him is his strong interest in the UFO phenomenon, so much so that he warned of "sinister forces" beyond Earth three different times publicly in the last 15 years of his life.

(ufosightingshotspot.blogspot.com)

 

E com os canais oficiais massacrando-nos com o COVID-19, com os outros não querendo ficar para trás para além de nos apresentarem o ALIEN-20, sugerindo ambos fazerem parte do mesmo guião, integrando o mesmo filme, com os mesmos Financiadores/Produtores e Atores/Associados e como conclusão e no final, fazendo parte da mesma agenda: uns sugerindo ser Seletiva (se Terrestre) outra de mera Manutenção (se Alienígena), mas existindo sempre a probabilidade de uma possível de invasão (até para se for necessário, preservar algo por aqui, não significando sermos nós) (para alienados) uma Invasão (dirigida) ALIENA.

 

(imagens: ufosightingshotspot.blogspot.com)

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 22:57

UFO filmado pela ISS/NASA

Terça-feira, 25.02.20

NASA tracks cone-shaped UFO before it disappears into deep space

(fev. 22/ufosightingshotspot.blogspot.com)

 

snapshot1.jpg

1a

Aparecendo a uma altitude inferior ao da ISS

 

Num registo de vídeo de 21 de fevereiro obtido a partir da Estação Espacial Internacional (ISS) orbitando a Terra a cerca de 400Km de distância, a imagem de um objeto voador não identificado (pelo menos para nós, público em geral) habitualmente designado como OVNI (ou UFO) aparecendo, movimentando-se e (de seguida) desaparecendo perante as câmaras (da ISS).

 

snapshot2.jpg

1b

Aparecendo a uma altitude inferior ao da ISS

 

Naturalmente podendo ser um objeto de origem terrestre e não tanto naturalmente como extraterrestre (apenas tendo fé e acreditando em entidades superiores), no primeiro caso com a imagem capturada pelas câmaras da ISS podendo muito bem ser um satélite ou uma sonda construída pelo Homem e no segundo caso apresentando (no mínimo) três alternativas:

 

snapshot4.jpg

2a

Acompanhando a ISS na sua órbita em torno da Terra

 

Como antropocentristas que somos − “conceção que considera que a humanidade deve permanecer no centro do entendimento dos humanos, isto é, o universo deve ser avaliado de acordo com a sua relação com o ser humano, sendo que as demais espécies, bem como tudo mais, existem para servi-los (wikipedia.org)

 

snapshot5.jpg

2b

Acompanhando a ISS na sua órbita em torno da Terra

 

Podendo tratar-se de terrestres (ascendentes ou descendentes), de uma mera ilusão de ótica (inserida pelos nossos órgãos dos sentidos) ou não restando mais opções, de Extraterrestres do Espaço (aparentemente) mas nada tendo a ver connosco. E existindo estes ALIENS (FROM SPACE) pelos vistos e sem provas em contrário, nada querendo connosco.

 

snapshot6.jpg

3a

E finalmente desaparecendo no Espaço

 

Mas não existindo explicação (para o Povo) para mais esta transmissão da NASA (ISS Live Feed) com as câmaras instaladas na ISS (ISS HD Earth Viewing Experiment HDEV on UStream) a mostrarem-nos (durante mais de vinte minutos) a movimentação diante de si de “um objeto metálico em forma de cone”,

 

snapshot7.jpg

3b

E finalmente desaparecendo no Espaço

 

Suscitando de imediato e como seria natural (e lógico) o levantar de muitas dúvidas, não só sobre o que seria (aquele objeto), mas igualmente sobre qual a sua origem (obra do Homem ou não): e numa versão “softcore (os adeptos das Teorias da Conspiração têm tudo mais elaborado, melhor) sugerindo-se logo ser um UFO (terrestre ou extraterrestre), ou um satélite ou uma sonda (terrestre) lançada pela ISS.

 

(imagens: ISS Live Feed/Skywatch International/youtube.com)

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 14:02