Um espelho que reflecte a vida, que passa por nós num segundo (espelho)

27
Mar 15

“A julgar pela lista, eu não sou VIP”
(Ministra das Finanças)

 

detay-ps-exige-consequencias-politicas-no-caso-da-

Cada um deles deveria ir para seu lado
(o pior é que nenhum deles quer sair do nosso)

 

Mas como é que a Ministra das Finanças tem conhecimento (directo ou indirecto) da existência da famosa Lista VIP (nunca reconhecida pela mesma), se o seu Secretário de Estado a negou repetida e heroicamente (ao jurar a sua inocência de dedos esticados e a pés juntos – uma fonte fidedigna afirma que viu) em todos os média a ele disponibilizados?

 

Ao dar credibilidade de uma forma temporária e simplesmente oportunista (para sua defesa ou sustentação argumentativa) à aparente existência da Lista VIP, com essa acção ela apenas está a contribuir com mais um poderoso (e pessoal) alicerce, para uma melhor aceitação e confirmação dessa teoria conspirativa (e com autor e patente).

 

Dividindo o Governo ao qual ainda pertence entre um conjunto de individualidades VIP (incluindo Cavaco Silva, Pedro Passos Coelho e Paulo Portas – mas nunca esquecendo o judas pessoal desta, o negando três vezes Paulo Núncio) e um outro conjunto constituído por um único elemento e não conotado como VIP (sendo a própria esse elemento), ela apenas nos sinaliza (mesmo que de longe e de uma forma inconsciente) que neste cenário inventado é tudo a mesma porcaria.

 

Ainda aprenderemos todos a viver apenas do lixo.
E ainda vamos ter de pagar.
(já pagamos resíduos líquidos e sólidos – só faltam mesmo os gasosos e outros estados da matéria)

 

(imagem – Web)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 21:58
tags: ,

18
Mar 15

“Altos funcionários com privilégios especiais.”
(wikipedia.org)

 

christiana-ubach-revista-vip-dezembro-2013.jpg

Christiana Ubach
(revista VIP)

 

Portugal vive actualmente um período de miséria política extrema, só ultrapassada à acção dos mesmos no tempo do Estado Novo. E se antes (no tempo do fascismo) se escondiam as coisas e caso desse bronca chamava-se a PIDE, agora (no tempo da democracia) fazem-se as coisas às claras e se houver problema ainda se processa o imbecil (que nem sabe o que o espera).

 

Por essa razão já ser considerado banal assistir-se consecutivamente a cenas chocantes e deprimentes, pelo que o anúncio de que um simples objecto teria demitido o sujeito seu potencial utilizador, nos manteve apáticos e indiferentes: “Lista VIP demite Director-Geral da Autoridade Tributária.” (DN)

 

Apesar de tudo não deixo de reparar nos nomes dos ilustres figurantes que têm vindo a ser denunciados por participação directa nesta típica cena de um qualquer Teatro VIP (entre eles Passos Coelho e Paulo Portas), que entretanto e rodeados por coelhos repentinamente saídos das suas tocas em loucura, correia e pânico total, só vêm mais uma vez provar (como se fosse necessário) que o comum cidadão português jamais chegará aos calcanhares destes Senhores.

 

De qualquer forma e apesar de tudo isto (de um governo em decomposição e com um coveiro pacientemente à sua espera), ainda fica uma ideia e talvez uma esperança: se uma Lista por mais VIP que seja consegue derrubar um Director-Geral (em suporte escrito ou digital, qual é a diferença de peso?), o que é que cada um de nós poderá fazer se estivermos todos munidos de uma Lista Telefónica?

 

“Passageiro remarca passagem 300 vezes para comer e beber na área VIP.
Chinês aplicou o golpe na companhia aérea China Eastern Airlines e ainda pediu reembolso quando a passagem expirou.”

(O Dia – Brasil)

 

(imagem – Web)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 22:10
tags:

19
Jun 12

Grande Prémio de Portugal de Fórmula Um

 

Autódromo de Albufeira

 

Na Orada e após a obrigatória ida à missa na capela aí situada e rezada pelo descendente direto do padre da terra – e ainda com a presença garantida de todas as beatas importantes ainda vivas – o povo deixou-se levar pelo ruído dos motores e pelo movimento e alegria na barraca das bifanas e das bejecas, de Ti Desidério.

 

Até podia ser na Lituânia

 

Realizou-se no último domingo deste mês nos terrenos da Orada – e após a conclusão dos trabalhos de esvaziamento, enchimento e terraplanagem da marina aí anteriormente existente e entretanto há muito desativada – a edição portuguesa do grandioso e tecnológico GP de F1.

 

Como se pode ver pela imagem anterior, foi grande a afluência de público interessado em assistir a este raro e belo espetáculo, agora que as bancadas foram abertas de uma forma livre e gratuita, a todo o público presente – no seguimento do abandono imobiliário de toda a zona envolvente à marina.

 

Entre os presentes esteve o fantasma do ex-presidente desta república de bananas, Prof. Animal Cavalo, montado no seu burro de estimação herdado de seu pai e agora valioso património em vias de extinção, pobre besta de carga vinda diretamente da agora mal frequentada e infeliz praia da Coelha, anteriormente bela e meia selvagem e agora convertida em aviário de luxo dos milionários vendedores sem procuração de bens alheios e outros negócios e lavagens profundas, ainda-por-cima protegidos com uma constante vigilância policial, de modo a proteger o seu novo dono (agora dado a polícia) de ações do dono anterior (agora dado a ladrão).

 

Relembre-se que após a extinção de centenas freguesias deste país, seguiu-se a extinção de muitos concelhos, sendo o de Albufeira integrado na Andaluzia Alemã, por proposta surgida numa reunião informal realizada no restaurante do ex-Zoomarine – entre herdeiros bastardos de individualidades VIP que nunca tiveram nada a ver com a região de modo a serem totalmente imparciais – agora transformado num viveiro de cavalas, carapaus e sardinhas vivinhas, vindas diretamente das reservas piscícolas da barragem do Alqueva.

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 14:18

Agosto 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9

13
14

19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30
31


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO