Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Um Herói em que o que sobressai é o Bastão e o Pénis

Sexta-feira, 21.05.21

Com a cumplicidade da UN (organização estabelecida a partir de 1945, aquando do fim da 2ª Guerra Mundial) ─ sucedâneo da Liga das Nações criada em 1919 aquando do fim da 1ª Guerra Mundial e constituída com intenções semelhantes ─ por acaso sediada nos Estados Unidos da América (em Nova Iorque, sendo o Mundo o inquilino e os EUA o senhorio, certamente um deles obtendo vantagem) e pela ação do seu Conselho de Segurança (onde uma das grandes potências tem sempre direito ao seu poder de veto) negando mais uma vez auxílio à população da Palestina no seu desproporcionado  e trágico confronto militar com Israel (uma pistola-descontinuada, contra um míssil-inteligente),

GecSVjHUXVaLLq6p6iCbyP-970-80.jpeg

O Gigante do Sul de Inglaterra

Talvez numa demonstração de revolta, de força e de poder

(2021)

 

Associando épocas diferentes e objetivos podendo ser distintos (nunca o sendo completamente pois tudo estando interligado), mas tendo pelo meio e pelo menos parcialmente uma explicação em tudo idêntica à mensagem pretendida e a ser transmitida (e assimilada) ─ por exemplo com o nosso Gigante de Cerne Abbas (inglês), a poder estar com este registo, a ameaçar os seus inimigos de arma e de falo em punho e bem hirto ─ podendo o povo Palestiniano socorrer-se da mesma imagem (símbolo) para transmitir uma mensagem aos seus agressores e a todos aqueles que por mero interesse (e impondo a morte como lei) com eles pactuam.

Introduzindo aqui e como se vê um desenho elaborado em território inglês (inicialmente podendo ser enviado ao senhorio e aos agressores em forma de mensagem, como amigos comuns e fieis que são) interessando-nos não propriamente (aqui) a sua associação ao conflito Golias/David (Israel/Palestina), mas conhecer algo sobre a sua história (ainda muito incerta) sendo nos dias de hoje retratado como um símbolo espiritual da Antiguidade, associado à Fertilidade: ou não tivesse o seu pénis bem esticado e direcionado, e em função de tudo o resto acompanhando-o, tornando-o poderoso, invencível, reprodutor.

Gigante de Cerne Abbas, um desenho de cerca de 66 metros de comprimento (quase a altura da Ponte da Arrábida no Porto, com cerca de 70 metros) gravado no solo de uma colina localizada próxima da aldeia que dá nome ao referido Gigante (Cerne Abbas, condado de Dorset, sudoeste de Inglaterra), representando um homem nu, de pénis ereto (pelos vistos e ao longo do tempo indo crescendo) e armado de “um pau” (uma clava, um taco/bastão) e sendo considerado (na Ilha) a maior e mais preservada das figuras desenhadas nas encostas das colinas da Inglaterra.” (wikipedia.org)

200707161256.jpg

Hommer Simpson e o Gigante do Sul de Inglaterra

Desrespeitando os crentes deste antigo Deus da Fertilidade

(2007)

 

Um Gigante podendo até ter sido na Antiguidade um Deus da Fertilidade, que outros apontam mais para ter surgido por volta do séc. X (final do período dos Anglo-Saxões, com um povo estrangeiro habitando a Grã-Bretanha) e que ainda, dadas as primeiras referências (registadas) se referirem a 1694 ( sendo anterior a esta data), poderia ser ainda mais recente do que se sempre se supos (alguns afirmando em tom de gozo, poder ser Oliver Cromwell): mas talvez se ficando entre os anos de 650/1310, continuando no entanto tudo em aberto, compreendendo-se estar perante uma “obra” podendo ter estado oculta e não o estando ter sido aletrada ─ ao longo de muito e muito tempo (que já se perde na nossa curta memória). Como será o caso do que se destaca na silhueta do Gigante, o seu grande pénis ereto (com uns 8 metros), acompanhado ainda por testemunhas de indivíduos tendo aí sido concebidos (prova do poder “fertilizante” do Gigante).

[Gigante de Cerne Abbas, um símbolo do Paganismo não resistindo por vezes e ao longo do tempo às agruras da meteorologia (fenómenos naturais) sendo no entanto, e sempre completamente recuperado (preservado), mas que por outro lado é por vezes sujeito a atos de vandalismo vindo da parte de novas e temporárias “invasões bárbaras”, como aquela registada com a chegada do boneco norte-americano Hommer Simpson, tentando lançar o seu arco acertando no pénis ereto do Gigante e abraçando-o com o seu arco, formato “donut”.]

(imagens: livescience.com ─ boingboing.com)

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 20:44


Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.