Um espelho que reflecte a vida, que passa por nós num segundo (espelho)

01
Mar 15

Em Segredo e sem conhecimento do Morto
(que nunca tomou conhecimento da encomenda – apesar de todos afirmarem conhecer o remetente)

 

article-moscow2-0227.JPG

Morte em Moscovo

 

Fontes extremamente fidedignas ligadas ao maior órgão de comunicação social nacional acabam de informar que o Diabo Vermelho cometeu mais um crime hediondo na pessoa do seu ex-colega de quarto.

 

O incidente (que alguns ainda julgaram inicialmente ser de origem passional) provocou um morto, atingido covardemente e por quatro vezes a vítima pelas costas e provocando-lhe morte imediata.

 

Segundo testemunhas encontradas no local e que terão presenciado as consequências mortais deste acontecimento que rapidamente tomou repercussões internacionais, o enredo deste típico episódio ocidental de série B incluiria (como não poderia deixar de ser para uma série que se quer dar ao respeito), um carro com os assassinos (não se sabendo ainda a soldo de quem), a presença de uma mulher (supostamente ucraniana para dar mais substância ao guião) e profissionais de saúde (para confirmarem ou não os sinais vitais da vítima); finalizando apoteoticamente com os representantes da autoridade (para darem o veredicto final e tentarem identificar todo o elenco envolvido).

 

Investigações levadas a cabo no próprio local onde se registou este crime, resultando da consulta levada a cabo entre elementos que frequentavam os mesmos pontos de interesse da vítima atrás referida, afirmam peremptoriamente que o Diabo Vermelho terá sido o último a chegar para partilhar o mesmo quarto (que a vítima graciosamente terá concordado partilhar), não descansando dada a sua ambição territorial (consequência comportamental causada pelo seu tipo autismo) enquanto não se livrasse dele.

 

Um colega tendo residido num quarto adjacente àquele onde toda esta cena espantosa e definidora de carácter se passou (do eventual predador e da sua vítima eventual), acrescentou ainda que o seu colega agora falecido lhe tinha confidenciado em conversas privadas tidas há muito poucas horas com ele, que iria desmascarar o Diabo e as suas ambições desmedidas – e que até implicariam a sua expansão para outras áreas com o seu quarto como objectivo seguinte.

 

Por essa razão (a vítima) tinha sido morta.

 

E como não poderia deixar de ser e acontecer o Ocidente está de novo horrorizado e em estado de choque perante mais esta acção verdadeiramente demoníaca levada a cabo sem consequências nem castigo pelo Diabo Vermelho (morando lá longe no Inferno), crescendo a cada segundo que passa e de uma forma exponencial o número daqueles que acreditam saber quem ele é, o ditador doente que é e o mal que nos pretende fazer.

 

Vladimir-Putin-The-Gentleman-Devil--113211.jpg

Diabo Vermelho

 

Só falta apanhá-lo com a arma na mão e (em flagrante) com o dedo a puxar o respectivo gatilho.

 

Enquanto isso o Diabo Vermelho invocou em sua defesa o facto de já não frequentar esse quarto (na sua vida apenas uma estação intermédia, por cá conhecido como um apeadeiro), de respeitar o passado habitacional e preferencial do seu ex-colega de quarto (ninguém fala quem terá sido o primeiro a escolher a cama onde se iria deitar) e de não ter como hábito o uso e porte de arma (abandonado desde que abandonou as suas funções na polícia secreta).

 

Mas tal como é hábito (ou talvez tradição) não pudemos acreditar: de imediato informações cedidas pelos seus inimigos (como inimigos do Diabo Vermelho e por inerência representante do Mal, reconhecidos oficialmente como naturais representantes do Bem) colocaram nas suas mãos a arma do crime, as quatro balas fatais e o boneco a utilizar.

 

Ainda consigo imaginar aquele rosto demoníaco apresentando um esgar de desprezo na sua face fria e sem alma (e ornamentada por dois olhos violadores e fumegantes tão típicos destas bestas cornudas), saindo aparentemente indetectável do seu veículo talvez invisível e silencioso, apontando a sua arma a um vulto deslocando-se tranquilamente e acompanhado por uma bela ucraniana e finalmente sem hesitação nem remorso (mas em contrapartida com prazer e pecado) atingindo a sangue frio e sem aviso de recepção, mais uma vítima da sua maldade (ou crueldade).

 

Só que os Polícias do Mundo têm aparelhos sofisticados e graças a eles detectaram tudo.

 

Uma coisa é certa: sendo os Polícias do Mundo os representantes de Deus na Terra, certamente que eles saberão a verdade.

 

Basta ouvi-los e a partir daí acreditar.

 

(imagens – Web)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 14:41

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.


Março 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9



29
31


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO